Editorial

`Os poderosos podem matar uma, duas ou três rosas, mas jamais conseguirão deter a primavera inteira´. Lula vive!

A frase acima é atribuída a Ernesto Che Guevara e foi usada no último discurso do ex-presidente Lula na frente do Sindicato dos Metalúrgicos no ABC paulista, antes de se entregar à Polícia Federal. Lula vive, quer queiram, quer não. Prova maior disso é que apesar de todo o poderio “bélico” que estão usando contra ele, entenda-se aí, a imprensa golpista e a ditadura da toga, o ex-presidente lidera em todas as pesquisas de intenção de voto para à Presidência da República, e se a eleição fosse hoje ganharia já no primeiro turno.

Lula representa o povo e isso a elite e a classe média burguesa brasileira não aceitam. É como disse certa vez o escritor Luís Fernando Veríssimo “o ódio ao PT nasceu antes do PT. Está no DNA da classe dominante brasileira, que historicamente derruba, pelas armas se for preciso, toda ameaça ao seu domínio, seja qual for sua sigla”.

E sabe o por quê de Lula ter sido preso, caro leitor? Porque cometeu os seguintes crimes: criou o FIES, o Pronatec, o Prouni, o Ciência sem Fronteiras, o Mais Médicos, a Farmácia Popular, o Minha Casa Minha Vida, o Bolsa Família, programa de cisternas no sertão nordestino, o Luz para todos, o Água para Todos, o Brasil sorridente,  iniciou a transposição do rio São Francisco, criou a política de reajuste do salário mínimo acima da inflação, o Brasil sem Miséria, o Bolsa Atleta, Pontos de Cultura, o SAMU/UPAS, Saúde da Família, o Programa Aprendiz na Micro e Pequena empresa, o Micro empreendedores Individuais, pagamento da dívida externa ao FMI, retirads pela ONU do Brasil do Mapa da Fome, Reequipagem, valorização e autonomia da Polícia Federal, liberdade para a procuradoria Geral da República, Pré-Sal, aumento exponencial do Parque Eólico brasileiro, expansão das universidades públicas brasileiras, duplicação da BR-101 no Nordeste, proporcionou a que a empregada doméstica tivesse seus direitos trabalhistas, enfim, inúmero programas e projetos que não agradaram a elite e a burguesia brasileira que ainda vive em regime escravocrata. Estes foram os crimes de Lula.

Bom que se diga que o golpe contra a ex-presidenta Dilma acabando com a prisão de Lula, começou a ser tramado logo após as eleições presidenciais, quando na sua volta ao Senado, após a derrota em segundo turno, o tucano Aécio Neves em discurso foi taxativo:

“Vamos obstuir todos os trabalhos ate´o país quebrar e a presidente Dilma ficar incapacitada de governar, sem apoio parlamentar. Aí reergueremos o país que nós queremos, independente dos acontecimentos que envolvam o ex-presidente Lula e as ações do judiciário. Sem o Poder Legislativo , nenhum governo se sustenta”. 

O golpe foi consumado e fechado com “chave de ouro”, com a prisão do maior líder político deste país nas últimas décadas, Luiz Inácio Lula da Silva, mas não se mata um ideal desta forma. Corações e Mentes sobrevivem e não vão deixar que o sonho de um país verdadeiramente democrático, onde todos possam ter sua vez, morra. A prisão de Lula foi uma prisão puramente política a fim de baní-lo da vida pública. A história está aí para provar.

Como disse o jornalista Kennedy Alencar, “em 1954, Vargas havia escrito que seu nome seria uma bandeira de luta. Agora, Lula à sua maneira, repete a mesma mensagem quando disse que cada um que defende ele será um “Lula’ em cada canto deste país.

A conferir!

Foto reproduzida da Internet

 

2 Responses to `Os poderosos podem matar uma, duas ou três rosas, mas jamais conseguirão deter a primavera inteira´. Lula vive!

  1. Marcos Aurelio Crescencio dos Santos disse:

    Bom dia Barbosa,

    Gostaria de parabenizá-lo por sua reportagem, o problema do brasileiro que vivem pensando no dia de hoje, não vem o nosso futuro. Não há democracia, muitos não respeitam a opinião divergente, sempre agredindo o próximo se achando o dono da razão. A nossa história mostra que os poderosos sempre continuam no poder, desde a nossa colonização. O que dizer dos roubos de todos os demais partidos que ainda não deram em nada ? O problema do Brasil somos nós mesmos, ao invés de denegrir direita ou esquerda, temos que nos unir e ver as propostas que os candidatos nos oferecem. A reforma trabalhista esta por vir, quem se aposenta hoje não irá amanhã, o mundo esta mudando. Não sei se Lula é culpado ou inocente, mas tudo tendo que foi um golpe, devido a conjuntura presente. A história diz tudo, a burguesia sempre forte e os pobres em situação cada vez mais lastimável.

    • Carlos A. Barbosa disse:

      Obrigado amigo pelo comentário pertinente. Continue a ler o blog e fazendo comentários. O debate é salutar e contribui com o fortalecimento da democracia em nosso país. Abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *